Carregando

Buscar

Futebol

Atacante Wesley, do Ferroviário, é dispensado após ameaçar companheiro de equipe de morte

Compartilhe

O Ferroviário decidiu demitir o atacante Wesley após de ameaçar um companheiro de equipe de morte. A informação foi revelada pelo treinador, Marcelo Vilar, durante entrevista sobre a dispensa de cinco atletas do elenco. 

“O Wesley aconteceu um problema muito sério com ele [e] com outro atleta. Ele ameaçou até de morte o outro atleta. Então não podia continuar uma situação dentro do elenco”.

João Felix

Vilar ressaltou que conhecia os problemas de indisciplina de Wesley, mas que mesmo assim pediu sua contratação. No entanto, percebeu que não havia condições do atacante permanecer no elenco após a situação de ameaça de morte.

“Foi um garoto que eu pedi a contratação, dei todo o apoio a ale. Nós sabíamos dos problemas que ele tinha extracampo. Não esperava que isso acontecesse, mas a partir do momento que aconteceu, fica difícil para qualquer comandante, qualquer diretoria dentro de um elenco de 36 jogadores manter um jogador que ameaça de morte o outro”.

Wesley chegou ao Ferroviário em 30 de julho e participou de 10 partidas, marcando dois gols. Já tinha passagem pelo Fortaleza e disputou o último Campeonato Cearense pelo Pacajus. Nas redes sociais, quando a equipe da Série C anunciou a contratação do atacante, diversos comentários sobre indisciplina e outros problemas foram publicados na página do clube. 

Em destaque