Carregando

Buscar

Futebol

Mano Menezes pede desculpas por ofensas a árbitro: ‘Ultrapassei do limite’

Compartilhe

Em entrevista coletiva, nesta terça-feira, o treinador do Bahia, Mano Menezes pediu desculpas por ter ofendido o árbitro José Mendonça da Silva Junior, após a derrota para o Fluminense no último domingo.

Depois do apito final, Mano Menezes chamou o juiz de “vagabundo” para os jogadores do Bahia quando ia retirar os atletas de campo. A ofensa foi relatada na súmula.

João Felix

– Quero deixar uma coisa bem clara. Embora eu não tenha ido ao campo ao término do jogo para reclamar diretamente com a arbitragem. E fui com o primeiro intuito de tirar os jogadores, tanto que a minha observação é para um jogador nosso, que é o Elias, a captação da fala que tinha em relação ao episódio mostrou um descontentamento e uma reclamação indireta sobre os fatos que tinham acontecido. Quero pedir desculpas pelo palavreado usado, porque acho que não foi adequado e não é adequado em nenhuma circunstância, mesmo que você esteja certo. Existe um limite para as coisas. Então, penso que ultrapassei esse limite e peço desculpas por isso. Não quero deixar transparecer que isso é normal e correto – disse.

A reclamação de Mano Menezes em relação aos árbitros da partida foi por conta do pênalti marcado para o Fluminense, que ainda teve a participação do árbitro de vídeo.

– Um técnico da minha trajetória tem que saber que, mesmo em momentos difíceis, em que até você pode achar que está certo, o limite da educação não pode ser ultrapassado e eu ultrapassei. Repito: peço desculpas por isso – afirmou.

Em destaque