Carregando

Buscar

Futebol

Moção de censura é aprovada contra Bartomeu e Barcelona terá novas eleições presidenciais

Compartilhe

Foi aprovado nesta quarta-feira (7) uma moção de censura contra o presidente Josep Maria Bartomeu no Barcelona. Foram validadas 16.521 assinaturas contra Bartomeu. Ao todo, foram 20.687 votos. A quantidade alcançada já era a necessária para que fosse aprovada a iniciativa. O clube tem até 20 dias úteis para realizar um referendo sobre a continuidade dele no cargo. Se dois terços votarem pela saída, terá que renunciar.

A moção de censura é uma proposta apresentada pela oposição com o propósito de derrubar o governo. Neste caso, o intuito é tirar Bartomeu do cargo mais importante de dentro do Barcelona. A moção é aprovada ou rejeitada por meio de votação. 

O mandato do presidente iria terminar ao fim da temporada, no entanto, tende a acabar antes por conta da moção. Em mais de 100 anos de história, Bartomeu será apenas o terceiro presidente a enfrentar uma moção de censura. 

João Felix

Em destaque