Carregando

Buscar

Futebol Stick

Atlético-GO estuda pedir anulação do sorteio da Copa do Brasil por possível irregularidade

Compartilhe

O Atlético-GO estuda pedir anulação do sorteio da Copa do Brasil, realizado na última quinta-feira, alegando uma possível irregularidade de Roger Flores no momento de escolher uma das bolinhas. O comentarista misturou todas as bolinhas do pote, escolheu uma delas, devolveu, misturou novamente e sorteou.

Na visão da diretoria do Dragão, a atitude do ex-jogador pode ter sido um prejuízo. Em entrevista ao portal “Uol Esportes”, o presidente Adson Batista ainda está analisando o ocorrido. No sorteio, o time de Goiânia irá enfrentar o Internacional nas oitavas da competição.

“Ainda não houve contato com a CBF. O clube avalia as imagens para concluir se foi prejudicado ou não. Só assim decidirá quais medidas tomar. Essa é a posição do presidente Adson Batista”.

João Felix

Caso o Atlético-GO peça a realização de um novo sorteio, há a opção de uma liminar ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) a uma Medida Anulatória de Sorteio, com perícia no vídeo da transmissão da CBF. E, se haja a anulação do sorteio, Roger Flores pode ter uma pena de reclusão de dois a seis anos e multa para o próprio Roger Flores, como prevê o artigo 41-E do Estatuto do Torcedor.

Em destaque