Carregando

Buscar

Futebol

Renato Portaluppi nega crise no Grêmio e cita 5 a 0 do Flamengo para o Del Valle na Libertadores

Compartilhe

Dois dias após a derrota para o Universidad Católica na Libertadores, Renato Portaluppi concedeu uma entrevista negando crises no Grêmio. Além disso, falou sobre a possibilidade de demissão caso perca o Gre-Nal. Para justificar a resposta, citou a derrota do Flamengo por 5 a 0 para o Del Valle na quinta-feira.

O técnico disse que está preparado para tudo, inclusive críticas, e afirmou que os torcedores só analisam o treinador durante os 90 minutos. Renato ainda disse que no momento em que estiver incomodando o Grêmio, vai pedir sua demissão. 

“Acho que temos que estar preparado para tudo, inclusive para críticas.Acho que as pessoas não pensam antes de falar nos problemas que o clube tá vivendo. Como que você vai colocar em dúvida um trabalho de quatro anos, que conseguiu vários títulos? Vamos dizer que o trabalho não é bom, mas não vamos dizer que é péssimo. Vamos ao Campeonato Brasileiro. Se vencermos, ficamos a cinco pontos do líder. Aí eu pergunto: onde está a crise no Grêmio? Não estamos bem, mas também não estamos péssimos”, disse o ídolo gremista.

Ainda acrescentou: “Vocês estão avaliando o treinador em 90 min. Se perde é ruim, se ganha, é bom. Não sou contra as críticas, mas querem colocar na cabeça dos torcedores certas coisas pra dizer que o Grêmio é ruim. Amanhã ou depois, se eu achar que estou atrapalhando, eu vou sair. No momento que eu achar que estiver incomodando, eu vou ser o primeiro a sair. O presidente não vai me mandar embora, eu mesmo vou chegar e pedir pra sair, se achar que estou atrapalhando. O maior exemplo nós tivemos do próprio Flamengo. Tomou 5 com os titulares ontem. O Flamengo que pra mim é o melhor plantel do Brasil”.

João Felix

O próximo desafio do Tricolor gaúcho é contra o Palmeiras, pelo Brasileirão. Na próxima semana, o confronto da Libertadores será contra o rival, o Internacional, que venceu por 4 a 3 na volta da competição. 

Em destaque