Carregando

Buscar

Futebol

Rizek é condenado a pagar R$ 396 mil por causa de reportagem

Compartilhe

André Rizek, comentarista e apresentador dos canais “SporTV”, pagou R$ 396 mil de indenização por conta de uma reportagem que difamou Sérgio Simões de Jesus, ex-jogador do Corinthians. O grupo Abril também foi condenado, mas já foi à falência.

A reportagem da revista “Placar”, do grupo Abril, foi em 2001, e acusava o jogador Serginho, do Corinthians, de associação com tráfico de drogas. Em 2013, a juíza Andrea Galhardo Palma, condenou a empresa e o jornalista a pagarem R$ 50 mil, a título de dano moral.

Foto: Twitter
João Felix

Com os juros e honorários advocatícios, o jornalista teve que arcar sozinho com os R$ 396 mil em maio deste ano, parcelando em três vezes. O grupo Abril decretou falência em 2018, o que fez com que a empresa não tivesse obrigação de pagar os autos. Rizek, por sua vez, acompanhado de seu advogado, tenta resolver o caso com responsáveis pela editora amigavelmente.

Esta foi a terceira ação que condenou Rizek pela mesma reportagem. Ao todo, o jornalista já despendiou R$ 1,1 milhão, e recebeu R$ 310 mil da empresa. Agora, ele tenta receber mais R$ 400 mil da Abril para dividir as custas do processo.

Em destaque