Carregando

Buscar

Futebol Stick

Sampaoli ameaça deixar o Atlético-MG devido aos salários atrasados

Compartilhe

Além do pedido por reforços para o time, Jorge Sampaoli vem cobrando a diretoria por outro assunto: atraso nos pagamentos. O treinador teria ameaçado deixar o cargo, em dezembro, segundo informações divulgadas pela “Rádio 98FM”, caso os vencimentos do grupo não sejam quitados.

De acordo com o “GloboEsporte”, existe a pendência de dois meses de salários, e um dos integrantes do comando do Atlético-MG classificou as cobranças do técnico como “fortíssimas”, mas negou que haja a hipótese de Sampaoli deixar o clube antes do término do Campeonato Brasileiro 2020. 

Em entrevista à “Rádio Itatiaia”, Alexandre Mattos, diretor de futebol, revelou que os vencimentos estão próximos de regularização e também admitiu que uma exigência do argentino antes de ir ao Galo era o pagamento do salário em dia. 

João Felix

“A exigência parte, inclusive, do nosso presidente, que quer a casa em ordem. Todo profissional vai ser respeitado com seu vencimento em dia. É uma coisa corriqueira de qualquer empresa, não só de futebol ou do Clube Atlético Mineiro. (…) O Atlético vive uma situação financeira delicadíssima, e isso não é segredo para ninguém. Com a pandemia, isso ficou mais difícil ainda”

“O Sampaoli veio para cá – o que também não é segredo – com algumas situações definidas: salário em dia, possibilidade de montar elenco forte para tentar título. Isso tudo nós estamos fazendo um esforço hercúleo para alcançar isso. O Atlético tem uma proximidade de ter esses vencimentos em dia”.

Em destaque