Carregando

Buscar

Futebol Stick

Globo paga milhões para Botafogo, Fluminense e Vasco por rescisão do Campeonato Carioca

Compartilhe

Em conteúdo divulgado pelo “Uol”, a Globo fechou um acordo com Botafogo, Fluminense e Vasco por um acerto amigável para rescindir o contrato do Campeonato Carioca. O acerto envolve um pagamento de valores aos clubes, sendo o primeiro já realizado. A informação do veículo aponta que os três grandes cariocas irão receber R$ 30 milhões de maneira parcelada. A Globo não comentou o assunto.

Tudo começou quando o Flamengo decidiu transmitir seus jogos dentro de casa usando a MP do Mandante. Com isso, a Globo foi à Justiça para tentar impedir. O estopim aconteceu em uma partida do Rubro-Negro frente ao Boavista, transmitida pela FlaTV, em que a emissora optou por rescindir todo o contrato com a Ferj e outros clubes alegando quebra de exclusividade.

A Globo se comprometeu a pagar pelo menos o contrato de 2020 mesmo sem concluir as transmissões – as finais foram transmitidas pelo SBT. No entanto, houve uma exigência para que os clubes e a Ferj desistissem de qualquer demanda judicial para manter o contrato. Não houve acordo e a federação foi à Justiça. A matéria aponta que o contrato tem valor de R$ 100 milhões por ano até 2024. Botafogo, Fluminense e Vasco teriam direito cada um a uma média de R$ 20 milhões por ano, ou R$ 80 milhões ao todo.

João Felix

Em paralelo, os três clubes possuem antecipações de pagamentos referentes ao contrato do Campeonato Brasileiro com a Globo. Tais adiantamentos foram feitos em bancos com garantias dadas pela emissora. Os valores foram para as contas das compensações feitas entre empresa e os times em uma conta complexa de cada um. A informação é de que, entre os clubes, o total chega a R$ 30 milhões para cada, sendo parcelado em três anos.

A matéria publicada pelo jornalista Rodrigo Mattos nesta quinta-feira (10) afirma que há mais complexidades para se chegar ao valor final. O fato é que os três clubes aceitaram a proposta e encerraram qualquer possibilidade de desavença com a Globo. A Ferj, foi excluída da demanda e continua sua ação contra a emissora, pedindo inclusive, arresto judicial de valores de conta da empresa.

Em destaque