Carregando

Buscar

Futebol

Dirigente afirma que Borja deve voltar ao Palmeiras

Compartilhe

Emprestado até o final do ano ao Junior de Barranquilla, o atacante Borja pode retornar ao Palmeiras ainda esse ano. Em entrevista à radio “Zona Libre de Humo”, Héctor Fabio Báez, dirigente do clube colombiano, afirmou que a tendência é de que o jogador volte para o Brasil ao fim do contrato.

– Pelo Borja, há uma série de variáveis para que a cláusula da compra obrigatória seja exercida, mas elas não foram cumpridas. Portanto, à medida que o Junior não o deseje, ele deve voltar a ser assunto do Palmeiras – disse.

O contrato de empréstimo entre as duas equipes possui uma cláusula de obrigatoriedade de compra caso Borja marque 22 gols ou seja titular em 75% das partidas. Até o momento, o jogador balançou a rede quatro vezes e esteve entre os 11 iniciais em 10 jogos. O vínculo do atleta com o Palmeiras é até fevereiro de 2021.

Em destaque