Carregando

Buscar

Futebol Stick

Yaya Touré é excluído de partida beneficente após sugerir contratação de prostitutas

Compartilhe

Yaya Touré foi excluído de um jogo beneficente promovido pela Unicef após sugerir, em um grupo de WhatsApp com seus companheiros de time, a contratação de prostitutas no hotel cinco estrelas em que estariam hospedados.

Segundo a imprensa inglesa, o jogador enviou ao grupo um vídeo de uma mulher nua dizendo que poderia conseguir 19 trabalhadoras sexuais iguais a ela. Integrantes do grupo, no entanto, enviaram suas queixas à organização do evento, e Touré foi proibido de participar da partida.

Após a repercussão do ocorrido, o ex-Barcelona e Manchester City se desculpou pelo que descreve de “piada” por meio de uma declaração publicada nas redes sociais.

“Gostaria de me desculpar a todos os envolvidos no Soccer Aid pela brincadeira inapropriada, da qual eu me arrependo profundamente”.

João Felix

Touré justificou que a sugestão de contratar prostitutas foi uma brincadeira, mas admite que “faltou consideração pelos sentimentos dos outros participantes”. 

“Independentemente das circunstâncias, eu assumo total responsabilidade. Sou um homem adulto e não deveria fazer tais brincadeiras. Sinto muito pelo meu erro e desejo a todos o melhor no Soccer Aid no domingo”.

O evento chamado de Soccer Aid acontecerá domingo, no estádio Old Trafford, em Manchester, na Inglaterra. O objetivo é  arrecadar fundos para o auxílio de crianças em situação de vulnerabilidade

Em destaque