Carregando

Buscar

Futebol

Com dois gols anulados na partida, Gatito derruba cabine do VAR após derrota do Botafogo

Compartilhe

A partida que abriu a rodada do Campeonato Brasileiro já causou dor de cabeça para os torcedores do Botafogo. Na derrota de 2 a 0 contra o Internacional, o Alvinegro teve dois gols anulados. No primeiro, o atacante Rhuan estava impedido e a infração foi revisada sem muito alvoroço. Já no segundo, o juiz optou por revisar uma falta no lance anterior ao gol e acabou voltando atrás na decisão.

Por conta da insatisfação com o lance, o goleiro Gatito Fernández, do Botafogo, deu um chute na cabine do VAR que fica na beira do gramado. Ainda não há confirmação, mas é esperado que o atleta receba algum tipo de punição da CBF. Abaixo você pode ver o vídeo:

João Felix

No gol anulado de maneira polêmica, o meia Patrick, do Inter, perdeu uma disputa de bola com o atacante Matheus Babi, do Botafogo. O garoto seguiu a jogada e, na conclusão, encontrou Bruno Nazário que marcou o gol. No entanto, a cabine do VAR entendeu que a dividia entre Babi e Patrick foi ilegal e marcou falta do jogador Alvinegro, dando inclusive, cartão amarelo para ele.

Após a partida, Bruno Nazário comentou sobre o lance. “Eu não vi, depois tirarei a conclusão. É complicado, prejudica, sem palavras, temos que trabalhar e nos esforçar para o próximo jogo”, disse o meia em entrevista ao canal “Premiere”. Nenhum outro jogador ainda se pronunciou sobre a ocasião.

Em destaque