Carregando

Buscar

Futebol

Luan responde críticas e revela motivo de não ter cobrado pênalti na final

Compartilhe

Nada como um gol para dar moral a um jogador. Luan marcou um golaço na noite de quarta-feira e aproveitou o momento para responder algumas críticas recentes da torcida e mídia.

Após ser chamado de ‘pipoqueiro’ por muitos, e de ter sido acusado de não ter assumido a responsabilidade de bater um dos pênaltis na final do Paulistão, Luan disse os motivos de não ter cobrado, citando isto como uma opção do treinador.

Foto: Twitter
João Felix

“Cara, eu estava à disposição para bater, mas respeitei a decisão ali da comissão técnica. Sempre gostei de bater pênalti, bati em decisões durante toda a minha vida, no Grêmio, em final olímpica com a Seleção. Não teria deixado de bater num momento importante como a final do Paulista. Respeitei a escolha da comissão”, afirmou por meio de sua assessoria.

“Acho que jogar em um clube do tamanho do Corinthians, sempre vai existir cobrança por estar em seu melhor nível. Acho que é normal, estou acostumado com isso. Jogar em clube grande é assim. Creio que me ajuda a sempre buscar estar no meu melhor e entregar tudo que tenho sempre”, disse, se referindo à pressão que vem sofrendo por suas atuações.

Em destaque