Carregando

Buscar

Futebol

Barcelona quer permanência de Messi, mas saída deve ser irreversível, diz jornal

Compartilhe

Ramon  Planes, secretário técnico do Barcelona, falou em nome da diretoria pela primeira vez após os rumores de saída de Messi do elenco. O dirigente afirmou que confia na permanência do craque. No entanto, o jornal “Sport” revelou que não há nada que se possa fazer para que o camisa 10 siga defendendo o time catalão.

Segundo a publicação, nem mesmo a renúncia do presidente Josep Maria Bartomeu poderia reverter a situação. A única saída, inclusive, seria negociá-lo ainda nesta janela de transferência. Os advogados de Messi acreditam que é possível uma liberação sem o pagamento da multa rescisória de 700 milhões de euros (cerca de R$ 4,6 bilhões).

Em contrapartida, o secretário do Barça ressaltou que a diretoria catalã está incansável para convencer o craque a seguir na equipe. “Ele deu muito ao Barça e é um casamento que tem proporcionado muitas alegrias aos torcedores. Nós que estamos aqui dentro devemos lutar para que isso continue. Estamos gastando muitas horas fazendo trabalho interno. Agora temos que trabalhar muito internamente para encontrar a melhor solução para este caso”.

João Felix

Planes elogiou o argentino e disse que ele é o melhor jogador do mundo e da história, por isso todos devem ter muito respeito por ele. Ainda afirmou que o futuro que está chegando ao Barça é positivo e com jovens atletas para aprender junto a Messi.

O dirigente disse que o interesse interno é elaborar um plano para que o argentino continue reforçando a equipe na próxima temporada.

Caso não haja um desfecho positivo nessa janela, Messi ficará livre no mercado a partir de janeiro do ano que vem, já que seu contrato se encerra em junho de 2021. 

Em destaque