Carregando

Buscar

Futebol

Marcelinho presenteia Bolsonaro com camisa do Corinthians; Timão solta nota

Compartilhe

Marcelinho Carioca, para muitos o maior ídolo da história corintiana, encontrou o presidente Jair Bolsonaro para discutir a ”MP do Futebol”. No encontro, o ex-jogador presenteou o mandatário com uma camisa do Corinthians. O clube soltou uma nota oficial para ratificar que não tem qualquer envolvimento com o ocorrido. Outro que se manifestou contra o ocorrido, foi o ex-atacante Walter Casagrande.

”O Sport Club Corinthians Paulista torna público que não teve qualquer participação na iniciativa do ex-jogador Marcelinho Carioca, em Brasília. A entrega da camiseta nesta quarta, na Presidência da República, foi uma ação única e exclusiva do ex-atleta.

Cabe ressaltar que a nova camisa do clube, com o logotipo do patrocinador BMG em preto e branco, já havia sido amplamente divulgada em evento na Arena Corinthians em 11/7.

Por fim, o Corinthians se mantém fiel às suas tradições, respeitando todas as correntes políticas e coerente com suas origens de clube de todos os brasileiros”.

João Felix

Depois da reunião, Bolsonaro gravou um vídeo falando sobre o encontro: “É motivo de satisfação e honra receber o Marcelinho falando falando tão bem desta MP, que realmente é um trabalho de muitas mãos. Mas parte do Flamengo, tanto é que eu botei a camisa do Flamengo. Depois, o Corinthians e outros times aderiram. Isso nos dá liberdade, volta a alegria do futebol e dos craques. Uns vão ficar no Brasil, outros vão voltar para cá. Os times vão deixar de ficar subordinados ao monopólio”.

Em destaque