Carregando

Buscar

Futebol

Casagrande critica atitude de Marcelinho

Compartilhe

Walter Casagrande, ídolo do Timão, criticou a atitude de Marcelinho Carioca. O ”Pé de Anjo” presenteou o presidente Jair Bolsonaro com uma camisa do Corinthians quando foi discutir sobre a MP do futebol, ou como também ficou conhecida, MP do Flamengo. 

“Eu cheguei em 1975 nesse clube aqui, no Corinthians, comecei minha vida lá, corintiano de garoto, cheguei para jogar no dente-de-leite, nas categorias de base do Corinthians. Em 1979, a torcida do Corinthians abriu uma faixa no Pacaembu dizendo ‘anistia para os presos políticos e exilados políticos’. Em 1982, 1983, até 1985 essa camisa aqui era da Democracia Corintiana; essa camisa representa liberdade, representa democracia, e nenhum ex-jogador tem o direito de representar o clube politicamente. Eu também não tenho. Isso aqui é democracia. Isso aqui sempre foi democracia”, disse em vídeo.

Na reunião, Bolsonaro se disse muito satisfeito pelo encontro com Marcelinho. O ex-jogador é favorável a essa Medida Provisória, que dá aos clubes mandantes o direito de transmissão de seus jogos. O Corinthians emitiu uma nota afirmando que não teve relação alguma com esse encontro.

Foto: Divulgação

Em destaque