Carregando

Buscar

Futebol

Dívidas com outros clubes comprometem as finanças do River Plate

Compartilhe

O River Plate vive um período turbulento em relação à saúde financeira do clube. Segundo o portal “UOL”, três clubes acionaram a Fifa exigindo cotas devidas ao River referentes às negociações de jogadores. 

Nesta quinta-feira (23), foi a vez do clube Karpaty, da Ucrânia recorrer à Fifa, solicitando uma cota atrasada correspondente ao passe do jogador Jorge Carrascal no valor de 1.250 euros (cerca de R$ 7.5 milhões). Além disso, o canal “Tyc Sports” informou que há uma quarta cobrança, mas que ainda não foi levada à Fifa.

Por outro lado, seguem pendentes as reivindicações junto ao Liverpool-URU, pelo jogador Nicolás De La Cruz, no valor de 1 milhão de dólares (R$ 5 milhões), e uma dívida junto ao FC Porto no valor de 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 9 milhões), pelo jogador colombiano, Juan Quintero.

Por fim, o clube árabe, Al Ahli Jeddah, cobra 1 milhão de euros (R$ 6 milhões) pela transação envolvendo o chileno, Paulo Diaz. Entretanto, o clube árabe ainda não acionou a entidade, mas avalia a possibilidade, caso o River não pague o valor acordado. 

De acordo com o gerente de futebol do clube, Enzo Francescoli, não é o interesse do River se desfazer de jogadores para quitar dívidas, porém, ele afirma que “o panorama exige que escutemos propostas e possamos vender pelo menos um dos jogadores”.

João Felix

Segundo o canal “Tyc Sports” os alvos seriam os jogadores Juanfer, Rafael Santos Borré e Gonzalo Montiel, que já despertou interesse do West Ham.

Tags

Em destaque