Carregando

Buscar

Futebol

Situação de Yony González gera contradição dentro do Corinthians

Compartilhe

Yony González foi contratado pelo Corinthians junto ao Benfica no início desse ano. Os portugueses cederam o jogador por empréstimo e hoje há uma indefinição sobre a sua situação. Dois setores importantes do clube interpretam seu contrato de forma diferente.

O diretor de futebol, Duílio Monteiro, acredita que a compra após o empréstimo é obrigatória. Em contrapartida, o diretor de finanças, Matías Ávila, entende que não é obrigatório porque o colombiano não jogou o número mínimo de partidas que obriga o Timão a comprar os direitos federativos do jogador.

João Felix

O valor estipulado pelo Benfica é de 3 milhões de euros, ou seja, caso o Corinthians tenha que comprá-lo, como garantiu o diretor de futebol, terá que pagar R$ 18 milhões, valor na cotação atual.

Matías afirma: ”Existe a possibilidade (de Yony sair). Ele não fez o número mínimo de jogos que torna a compra obrigatória. Agora… isso é uma decisão do departamento de futebol”.

Em destaque