Carregando

Buscar

Futebol

René Simões diz que a volta do futebol pode diminuir violência doméstica e causa polêmica

Compartilhe

O ex-treinador da seleção brasileira de futebol feminino, René Simões, causou bastante polêmica ao dizer que a volta do futebol pode ser uma alternativa contra a violência doméstica. A declaração foi dada à Rádio Central, de Campinas, na última sexta-feira (26).

Perguntado sobre o retorno do esporte mais popular do país, ele respondeu: ”Vamos discutir o futebol como fator social para ajudar as pessoas que estão em casa enlouquecendo. Eu tenho amigos aqui que já se separaram, outros já bateram na mulher, outros batem nos filhos, estão enlouquecendo. Então se colocar futebol, pode ser que ajude em alguma coisa”.

João Felix

O ex-técnico também deu motivos científicos para o retorno do futebol, alegando que os jogadores são muito saudáveis para sofrerem complicações do coronavírus: ”Eu não tenho um caso de jogador que tenha sido internado, entubado, e porque, porque são pessoas extremamente saudáveis, e esse vírus não é para as pessoas saudáveis, esse vírus quer as pessoas que tenham alguma deficiência, que os jogadores não tem”.

Mas o que realmente afetou as pessoas foi a sua primeira declaração. Muitos internautas consideraram inadmissível que o treinador colocasse esse tipo de agressão como uma loucura por conta da abstinência de entretenimento.

Anteriormente, René já havia dado declarações que desagradaram o público feminino. Na ocasião, disse que não enxergava uma treinadora preparada para assumir a Seleção.

Em destaque