Carregando

Buscar

Futebol

Após exames, Corinthians tem alto número de infectados com Covid-19

Compartilhe

Visando ao retorno às atividades, liberadas em comum acordo da Federação Paulista de Futebol (FPF); da Prefeitura e do Governo de São Paulo; e dos clubes da primeira divisão do Campeonato Paulista, o Corinthians realizou 190 exames da Covid-19 nos últimos dias 18 e 19. Participaram jogadores, comissão técnica, estafe e funcionários do CT Dr. Joaquim Grava, além de seus familiares, e o número de atletas foi alto: dos 27 do elenco, 21 testaram positivo, mas apenas oito foram afastados por ainda apresentarem o novo coronavírus no corpo. Para preservar os envolvidos, o clube não vai divulgar nenhum nome.

Eles vão cumprir isolamento de dez dias, sendo reavaliados depois desse período. Outros 13 restantes estiveram infectados pela Covid-19, mas se encontram recuperados e vão se apresentar na próxima segunda-feira para retirada do material de treino, que será higienizado em casa por cada jogador, e de Equipamentos de Proteção Individual (EPI). No dia seguinte, farão testes físicos, bioquímicos e fisiológicos. Recém-contratado, o atacante Jô será submetido ao teste na próxima semana.

Jogadores conversam com o técnico Tiago Numes antes da paralisação (Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

O massagista Raimundo “Ceará”, de 60 anos, apresentou sintomas da Covid-19, foi hospitalizado e já apresentou melhora. Como pertence a grupo de risco estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), ele será preservado das atividades e receberá acompanhamento médico diário, assim como todos da mesma faixa etária. Além do elenco, comissão técnica e estafe tiveram 21 casos, e 17 profissionais estão recuperados; e foram 13 entre os funcionários do CT, sendo que apenas um continua afastado.

João Felix

Em destaque