Carregando

Buscar

Futebol

Brasileirão: Secretaria de Vigilância em Saúde aprova guia da CBF

Compartilhe

A Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde aprovou o guia para retomada do futebol elaborado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Tendo como base os protocolos da Organização Mundial da Saúde (OMS), da Fifa e da própria pasta, o documento visa à volta do Campeonato Brasileiro atendendo a todas as medidas de segurança em meio à pandemia da Covid-19. A aprovação foi feita sem ressalvas técnicas pelo secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Correia de Medeiros, que ainda indicou o guia como exemplo para todas as outras modalidades esportivas. As informações são da “Agência Futebol Interior”.

A única observação de Medeiros foi em relação à possível presença de torcedores no entorno dos estádios, uma vez que as partidas serão realizadas com portões fechados. A responsabilidade de evitar aglomerações fora do local dos jogos será dos clubes, somando-se ao cuidado com jogadores, comissão técnica e funcionários durante todo o período da pandemia. Com cinco etapas, dos treinos em casa ao acompanhamento dos campeonatos já em andamento, o guia já pode ser utilizado no momento em que alguns elencos já voltaram aos treinos e outros estão se preparando para retornar.

Vestiários não devem ser utilizados, e os jogadores têm de ir aos CTs já com uniforme de treino, sendo que o banho pós-atividade será tomado em casa. Outra preocupação é com as refeições, que não serão mais servidas em bufês, mas em pratos individuais entregues a cada atleta. “Ele terá de ser montado na cozinha, e será um prato para cada jogador”, disse o médico da CBF Nemi Sabeh, sem se esquecer dos exames periódicos. “Pelo menos dois dias antes de um jogo, cada clube vai realizar testes.”

CBF dá mais um passo para a bola rolar no Campeonato Btasileiro (Reprodução)

Além da coleta de secreção nasal, haverá também testes com café em pó ou cravo, uma vez que a perda do olfato é um dos sintomas do novo coronavírus. “Aproximadamente 80% das pessoas que têm Covid-19 apresentam diminuição do olfato, e o ‘teste do cafezinho’ é mais fácil e barato. Tem uma margem de erro, mas isso funciona como um aviso”, afirmou Sabeh, ressaltando que o jogador ou funcionário será encaminhado para um exame definitivo no caso de dúvida.

Entre os cuidados no guia elaborado pela CBF, cuspir no gramado e contato físico na comemoração de gol estão proibidos. Os atletas também precisam manter as unhas cortadas e evitar sair de casa, assim como os hotéis terão esquema especial quando as equipes voltarem a viajar, evitando o contato do grupo com outras pessoas. O guia não estipula prazo para volta das competições, competência que cabe aos órgãos de saúde.

Em destaque