Carregando

Buscar

Futebol

Ministério Público da Itália irá investigar o Brescia após acusações de Balotelli

Compartilhe

O Ministério Público da Itália irá investigar o Brescia após as acusações feitas por Balotelli e seu empresário, Mino Rabiola, sobre a realização de testes de Covid-19 no elenco. 

De acordo com o jornal italiano “Gazzetta dello Sport”, o atacante prestará esclarecimentos ao órgão após acusar o time de não realizar a testagem no elenco para o retorno do Campeonato Italiano. O time, no entanto, será acionado em seguida.

O empresário, inclusive, afirmou que a postura do clube em não fazer os exames tem a ver com o desejo de “punir” Balotelli, que tenta rescindir seu contrato. “Será que o Brescia é o único clube da Série A que não fez testes para covid-19 em seus jogadores? Para punir um, colocam em risco a equipe inteira”. 

João Felix

O italiano não deseja permanecer no Brescia. Enquanto o clube entrou com um processo a fim de romper vínculo alegando atraso e ausência nos treinos de Balotelli, o atacante reclama da falta de pagamento do salário no mês de março.

O advogado representante do time italiano alfinetou a postura do jogador em meio ao período vivido. “Creio que Balotelli é o único jogador que denunciou um clube em um momento como este”.

Tags

Em destaque