Carregando

Buscar

Futebol

Desejado por gigantes, Kai Havertz pode ter transferência recorde no futebol alemão em meio à crise

Compartilhe

Kai Havertz tem sido associado a diversos clubes antes mesmo do reinício do Campeonato Alemão. Desde que o futebol retornou, o garoto vive uma temporada dos sonhos: disputou cinco partidas, em três vitórias do Bayer Leverkusen, e marcou cinco gols. 

De acordo com diversos veículos da Europa, a lista de times interessados na revelação de 21 anos é grande e só tem pesos pesados. Chelsea, Real Madrid, Bayern de Munique, Liverpool, Manchester United, já entraram na briga pela contratação. Por tudo isso, sua transferência deve alcançar cifras histórias.

Mesmo em um cenário de crise econômica decorrente do novo coronavírus, o meia-atacante tem tudo para se tornar o jogador alemão mais caro de todos os tempos. O recorde atual é a venda de Leroy Sané, ex-Schalke 04, ao Manchester City por 52 milhões de euros (R$ 295,4 milhões). 

Caso a ida de Timo Werner ao Chelsea seja confirmada, o recorde de valor das transferências alemãs subirá para 60 milhões de euros (R$ 340,8 milhões). Porém o interesse em Havertz faz com que os clubes movimentem os caixas e façam grandes ofertas.

O Real Madrid, inclusive ofereceu 80 milhões de euros ao Leverkusen, porém foi recusada, de acordo com o jornal “Bild”. A próxima oferta, segundo o jornal inglês “Daily Mail”, deve vir no Chelsea: 85 milhões de euros (R$ 482,8 milhões).

João Felix

Os altos valores envolvendo uma provável transferência já criaram um clima de desconforto entre o elenco e a diretoria do Bayern de Munique. Na última semana, Thomas Müller ressaltou o momento vivido ao criticar os dirigentes pela ideia de investir pesado em Havertz.

“Havertz é um dos grandes talentos do futebol europeu e acho natural que o Bayern procure ter os melhores jogadores. No entanto, acho que é um absurdo falar em contratações quando nos cortam salários”, afirmou o atacante e um dos líderes do elenco. 

Apesar de ter apenas 21 anos, o garoto está avaliado no site “Transfermarkt” em 81 milhões de euros (R$ 460,1 milhões). Antes da pandemia, o clube alemão esperava faturar mais de 100 milhões de euros com sua transferência. 

Havertz está em sua quarta temporada como profissional e já soma 150 partidas, com 44 gols e 33 assistências. Ele estreou pela seleção alemã logo após a Copa do Mundo de 2018 e contabiliza sete jogos. Nas últimas apresentações da equipe, o técnico já o escala como titular.

Tags

Em destaque