Carregando

Buscar

Futebol

Nico Gaitán, do Lille, não terá seu contrato renovado por conta do Covid-19

Compartilhe

O meia argentino Nico Gaitán, ex-Boca Juniors, Benfica e seleção argentina, foi mais uma “vítima” da pandemia do coronavírus. Não por ter contraído a doença que já matou mais de 423 mil pessoas no mundo, mas por ter sido dispensado do Lille, da França, que alegou questões financeiras delicadas por conta do Covid-19 como o motivo da não renovação contratual.

Em seu Twitter, o clube francês agradeceu a passagem do argentino. “Devido à situação (Covid-19), Nicolás Gaitán não irá continuar sua a jornada com Lille. Obrigado por esses meses conosco, Nico! O Lille deseja o melhor para o futuro”.

João Felix

Nico postou uma mensagem em suas redes sociais agradecendo o tempo no clube. “Agradeço ao plantel, aos adeptos e ao clube pela forma como me receberam e me trataram durante o tempo que passei no Lille. Desejo o melhor para vocês”, escreveu o argentino de 32 anos.

Nico Gaitán disputou apenas quatro partidas oficiais pelos franceses na atual temporada.

Tags

Em destaque