Carregando

Buscar

Futebol

Clubes se posicionam na luta contra o racismo

Compartilhe

Essa semana registrou muitas publicações antirracistas por conta do assassinato de George Floyd, um homem negro, por um policial branco. Milhões de pessoas ao redor do planeta ficaram revoltadas com os vídeos que circularam na internet sobre o ocorrido. Um policial apoiou seu joelho no pescoço de um homem negro que estava no chão. Por alguns minutos o homem dizia: ”eu não consigo respirar”, mas foi ignorado até não conseguir mais resistir. 

O homicídio gerou rebeliões em diversas cidades dos Estados Unidos e muitas manifestações de apoio aos movimentos antirracistas em todo o mundo. Muitos clubes de futebol no Brasil fizeram publicações nesse sentido.

Ver essa foto no Instagram

#VidasNegrasImportam ✊🏿 #VascoDaGama

Uma publicação compartilhada por Vasco (@vascodagama) em

Ver essa foto no Instagram

Vidas negras importam! ✊🏿

Uma publicação compartilhada por Botafogo F.R. (de 🏠) (@botafogo) em

João Felix

Na tarde dessa segunda-feira (1), Talles Magno, revelação do Vasco, postou no Twitter uma frase contra o racismo. O clube havia mudado sua foto de perfil nas redes sociais poucas horas antes. A nova arte pede respeito e igualdade entre etnias.

Esse tipo de posicionamento faz muito sucesso entre os torcedores vascaínos, que têm orgulho de seu time ter lutado pela inclusão de negros no futebol na década de 1920, com o famoso time conhecido como ”camisas negras”. 

Em destaque