Carregando

Buscar

Futebol

Capetinha ataca novamente: “Jesus? Eu não faria esforço para renovar”

Compartilhe

A informação mais recente sobre o futuro de Jorge Jesus é que ele deve continuar na Gávea por mais uma temporada, mas há quem já esteja cansado da novela da renovação. Segundo o ex-atacante Edílson, que recentemente garantiu que jogou mais bola que Messi, Cristiano Reinaldo e Neymar, o Flamengo não pode ficar de braços cruzados por causa do técnico português.

“Jesus? Se eu fosse presidente do clube, esquece. Não faria esforço algum para renovar. O Flamengo é muito maior que toda essa gente, então esquece mesmo. Viria outro treinador”, disse o Capetinha no programa “Os Donos da Bola”, fazendo uma leve média com o treinador, mas sem voltar atrás. “O time ganhou muita coisa, e dou todo o mérito ao Jesus, mas o Flamengo não pode ficar refém de um treinador que chega e diz que quer ganhar R$ 3 milhões por mês. É um esforço desnecessário. Há treinadores capacitados para treinar e ganhar no Flamengo.”

Desde 2019 no Flamengo, Jorge Jesus comandou a equipes nas conquistas do Campeonato Carioca, da Copa Libertadores, da Recopa Sul-Americana, do Brasileirão e da Supertaça do Brasil.

Tags

Em destaque