Carregando

Buscar

Futebol

Alex dispara contra Felipão “Enquanto pessoa, sinceramente, tenho várias ressalvas”

Compartilhe

Alex foi um jogador de muitas conquistas pelos clubes por qual passou. A principal delas foi a Libertadores da América com o Palmeiras de Luiz Felipe Scolari, em 1999. A parceria entre Alex e Felipão era esperada na Copa de 2002, porém, para a frustração do meio-campista, ele ficou de fora da lista de convocados.

Em entrevista ao programa “Troca de Passe” dos canais “ SporTV”, o craque falou de sua relação com o treinador. Ele destacou as qualidades de Felipão como profissional, mas ao falar da personalidade de Scolari, Alex foi duro.

Foto: Getty Images

“Felipão enquanto treinador foi fantástico para mim. Só guardo coisas boas. Tenho carinho e respeito grande e agradecimento enorme, pois aprendi muito naquele período. Muito das coisas que eu fiz na frente foi porque ele me ajudou bastante. Enquanto pessoa, sinceramente, tenho várias ressalvas quanto a isso”, disparou.

Ainda sobre sua não convocação, inclusive para a Copa de 2006, Alex se disse injustiçado, revelando sua frustração por não ter sido lembrado nem por Parreira nem por Felipão.

“A diferença maior entre 2002 e 2006 é que a relação pessoal que eu tinha com o Felipe (Felipão) me fazia acreditar que eu iria para a Copa. Acabo não indo. E a relação com o Parreira, que era pequena, mas que pessoalmente ele agiu de maneira diferente comigo, mas também acabo não indo. Mas, hoje, em 2020, já tive com o Felipe incontáveis vezes, minha carreira mostra, segui jogando em bom nível”, disse.

Tags

Em destaque