Carregando

Buscar

Futebol

Zinho revela indisciplina final de Ronaldinho Gaúcho no Flamengo

Compartilhe

Em recente entrevista ao programa Jogo Sagrado, do canal “Fox Sports”, Zinho abriu o jogo sobre a passagem de Ronaldinho Gaúcho pelo Flamengo. O tetracampeão revelou fatos que culminaram na saída litigiosa do craque do clube rubro-negro.

Foto: Getty Images

“Tínhamos uma viagem para o Piauí, um amistoso, e Flamengo recebeu uma cota alta. Eu era contra, mas o clube estava em situação difícil e precisava da grana. Quem era o nome que vendia esse time? Era ele (Ronadinho), que não apareceu para a viagem. Liguei, e ele disse que iria. Eu estava com a passagem dele na mão, e a televisão toda me filmando pagando aquele mico. Não apareceu para a viagem. Nosso vice de futebol, o (Paulo César) Coutinho (então vice-presidente de futebol do clube), foi questionado pela torcida no hotel e chutou o balde. Tinha um torcedor filmando, e aí viralizou. Depois desse episódio, Ronaldinho cobrou atrasados e não se apresentou, o que culminou na saída” , revelou Zinho.

“Foi caso de cobrar e multar, e na frente do grupo para dar o exemplo. Houve problemas sérios. Não tenho gravado, então não vou falar. Tive problemas seríssimos de disciplina com ele. Havia coisa mais grave (do que privilégio de não treinar). Tenho muito cuidado, pois fui testemunha na ação. Se eu falo as coisas que aconteceram e não tenho documentado, eu que posso responder o processo. Na época, os problemas foram falados, e cobrei dele forte na época. Acho que foi um dos motivos para ele sair. O Flamengo tinha errado com ele também, tem que pagar, mas não dá o direito de desrespeitar os profissionais que estavam trabalhando”, completou o ex-jogador, que na época era diretor do clube.

Além dos fatos narrados por Zinho, Luxemburgo foi outro que não teve boa relação profissional com Ronaldinho e, por isso, acabou por deixar o comando do Flamengo na época. Zinho, por sua vez, deixou a diretoria no fim de 2012, depois de não aceitar redução salarial. R10 acabou se transferindo para o Atlético-MG naquele ano, sendo campeão da Libertadores em 2013.

Tags

Em destaque