Carregando

Buscar

Futebol

Messi ou Cristiano Ronaldo?, Zidane, futuro… Marcelo abre o jogo em live

Marcelo
Compartilhe

O que fazer quando há a necessidade de isolamento e distanciamento social por causa de uma pandemia? Lives. Os bate-papos e apresentações na internet se tornaram uma febre no meio artístico, mas imagine se os jogadores de futebol, que têm forte presença nas redes sociais, ficariam fora de moda… Em conversa com o ex-zagueiro italiano Fabio Cannavaro, com quem jogou no Real Madrid de 2006 a 2009, o brasileiro Marcelo abriu o jogo sobre diversos assuntos. Confira os melhores trechos da ‘entrevista’ do lateral-esquerdo merengue no Instagram do hoje técnico do Guangzhou Evergrande.

Marcelo
Cristiano Ronaldo e Marcelo comemoram um gol quando atuavam juntos pelo Real Madrid

Interesse do futebol italiano

“Há dois anos ouvi que tinha assinado com a Juventus, que vestiria a camisa do clube porque não conseguia viver sem Cristiano Ronaldo. As pessoas inventam muitas coisas. Acho bom ter visto alguns torcedores da Juve gostaram da ideia, mas não quero sair do Real Madrid e acho que o clube não deixaria. Estou muito bem aqui. Desde que vim para cá, com minha família, tenho uma história incrível. E também não sei se é verdade que a Juve me quer de verdade.”

Zidane

“As pessoas pensavam que não podiam lidar com o vestiário cjeio de jogadores com tanto peso, mas Zizou fez isso ser tornar incrível. Quando ele se juntou à equipe (como técnico do Real Madrid), estávamos em um momento muito difícil porque não havíamos conquistado quase nada. Com trabalho, humildade e compreensão dos jogadores, conseguimos títulos. Mas não esquecemos o trabalho anterior. Ancelotti foi ótimo trabalho.”

Jogador mais difícil de marcar

“Você sabe que as pessoas jogam contra o Real Madrid como se fosse o último jogo de suas vidas. Como eu vou muito ao ataque, os adversários sempre vêm pelo meu lado, e há uma chance maior de eu ir para o enfrentamento. Nunca joguei contra o Cristiano, mas tem o Messi, e eu seria hipócrita ao citar outro jogador. Mas tem o Navas, e lembro que ficou morto por três semanas depois de uma partida contra o Sevilha. E ele ainda estava começando.”

Cristiano Ronaldo ou Messi?

“Essa é uma pergunta para derrubar quem joga futebol. Cada um tem o seu valor. Como treinei com Cristiano e joguei com ele por dez anos, posso dizer que a motivação que ele dá aos companheiros em campo e as coisas que ele faz… Ele é o melhor. (Cannavaro interrompe: ‘Pode ser que Cristiano seja um líder, e o Messi, nem tanto, porque ele nunca fica com raiva). Mas com a bola é difícil o Messi ser parado. Ele precisa de uma bola apenas, e aí…”

Com a bola nos pés e o número 12 no short e nas costas, Marcelo é referência no time merengue

Quarentena

“Saio apenas uma vez por dia, com meus quatro cães. As pessoas aqui respeitam bastante, mas tem sido bem difícil. Infelizmente, há muitas mortes. Você tem que ficar em casa, sair somente se necessário, e as pessoas não esperavam que fosse tão difícil. O mundo parou, e o momento é muito complicando, mas ao ficar em casa vi coisas que posso fazer. Fiquei mais com minha família, li livros e fiz meditação mais do que nunca antes na minha vida.”

Futuro

“Ele está chegando. Estou prestes a completar 32 anos (no dia 12 de maio) e tenho algumas coisas em mente. Quero continuar trabalhando, mas não diretamente com futebol. Não tenho características para ser treinador, só que sempre tive uma coisa em mente: vivi muitas coisas no Brasil quando tinha 15 anos. Vi muitos empresários falaram a alguns pais de jovens jogadores ‘vou lhe dar isso e isso’, mas no fim o garoto, com muito talento, continua na rua porque o empresário só pensava em dinheiro. Gente assim deixou muitas crianças ferradas. Muitas foram prejudicadas por o cara queria dinheiro antes em vez de trabalhar com a criança. O agente vende o filho de alguém para outro clube, ganha seu dinheiro e tchau. Quero ajudar essas crianças, então quero fazer isso primeiro.”

Objetivos

“Quero conquistar mais uma Liga dos Campeões. E quero a Copa do Mundo com a seleção brasileira.”

Tags

Em destaque